Principais características do Bolsa Família?

Apesar de muitas famílias serem beneficiadas pelo Bolsa Família, o benefício ainda é capaz de gerar inúmeras dúvidas. A maioria da população desconhece seus direitos e obrigações, com o Bolsa Família não é diferente.

No Brasil, de acordo com os últimos levantamentos (2018), cerca de 13 milhões de famílias recebem o benefício do Bolsa Família. Mais de 2 bilhões de reais em benefícios pagos em todo o Brasil.

É um benefício que não temos como abrir mão, pois auxilia inúmeras famílias. O problema maior é que há muitos que recebem o benefício sem direito, ou seja, são pessoas agindo de má fé e tirando a chance de quem precisa verdadeiramente.

Mas você sabe o que é realmente o Bolsa Família? Se sua família se enquadra? E quais os documentos deve apresentar para requerer o auxílio? Siga-nos e aprenda tudo sobre o Bolsa Família.

O que é Bolsa Família?

Bolsa Família é um programa do governo federal que visa auxiliar pessoas em estado de pobreza extrema. Quando se diz pessoas, refere-se ao grupo familiar da mesma, ou seja, o estudo para saber se realmente é merecedor do benefício é englobado por toda a família.

O programa nasceu com o intuito de não desamparar pessoas pobres e dar-lhes o que comer; atendendo também outras necessidades básicas.

Para que uma família seja considerada de extrema pobreza, a renda por indivíduo não poderá passar de R$ 89,00 reais por pessoa.

No caso de famílias consideradas pobres, o valor de renda mensal varia de R$ 89,01 reais e R$ 178,00 reais por membro familiar.

Mas no caso das famílias consideradas pobres, para conseguir fazer parte do programa, há a necessidade de se ter crianças e adolescentes entre 0 e 17 anos, ou gestantes. Não havendo pessoas nessa situação, o benefício não se enquadra.

Outro pré-requisito é que a família que estiver pleiteando o auxílio tenha inscrição no cadastro de programas sociais. Os dados devem estar atualizados para evitar dores de cabeças e negativas.

Apesar de ser necessária a inscrição, isso não quer dizer que a família entrará automaticamente no programa, pois como dito anteriormente, há muitos casos de pessoas recebendo indevidamente, portanto, o governo analisará detalhadamente se há necessidade real da família ou não.

O que é necessário para receber o Bolsa Família?

Agora que você já tem a noção do que é o Bolsa Família, e se sua família está enquadrada em receber ou não, aprenda como dar entrada e receber o benefício. Siga os passos abaixo:

  1. Procure o setor responsável pelo cadastro, ou o CRAS mais próximo para efetuar o cadastro e o requerimento do benefício. No site oficial tem os endereços e também os documentos necessários para dar entrada.
  2. Analise realmente se sua família se enquadra nos requisitos de pobreza e extrema pobreza citados acima. É importante analisar para não ficar frustrado e ter negado o benefício para sua família.
  3. Realize o cadastro de sua família, caso ela ainda não seja cadastrada. Como dito anteriormente, a família deve ter o cadastro único de programas sociais, e dados atualizados. Quaisquer dúvidas, procure o site oficial.
  4. Feito o cadastro, aguarde, pois, o governo seleciona famílias mensalmente.
  5. Depois é enviado uma carta, ou mensagem por meio disponível avisando que sua família irá receber o benefício.

Qual o valor do benefício do Bolsa Família?

O valor do Bolsa Família compreende a tabela a seguir:

  • R$39,00 reais por crianças e adolescentes. Pode-se cadastrar até 5 membros nestas características;
  • R$39,00 reais para gestante;
  • R$ 85,00 reais para famílias em extrema pobreza. Este valor é por cartão do Bolsa Família.

Neste ano também foi assinado o benefício do 13º salário a famílias que recebem o Bolsa Família.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *